CULPA, FRACASSO, SUCESSO

 

Mariano B. Marques

Todo e qualquer sucesso que não glorifica a Deus é, na verdade, fracasso. E todo aparente fracasso que glorifica a Deus é, na verdade, sucesso.

Quando uma pessoa cristã faz alguma coisa que mancha sua reputação moral, geralmente atribui a culpa ao demônio. Será que é ele mesmo o culpado?

Na vida cristã diária, o diabo pode nos tentar e sugerir coisas em nossa mente. Mas, somos nós que decidimos fazer ou não. Ele não decide por nós. Por isso, você e eu somos  responsáveis  pelas nossas decisões e ações praticadas. Não adianta culpar ninguém, nem mesmo o diabo.

Sabemos que a capacidade de avaliar e decidir nos foi dada por Deus. Porém, esse dom divino traz consigo a Continuar lendo

Anúncios

TRECHOS DO LIVRO O SOL ESTÁ SEMPRE BRILHANDO

Lsol brilhando através de nuvens Foto gratuita

CAPÍTULO 4 – PRECISAMOS PENSAR POR NÓS PRÓPRIOS

Existem aqueles que pensam por si próprios, e assumem esse risco; outros, acham mais   cômodo e mais seguro pensar com a cabeça de outras pessoas e, assim, não correr nenhum risco.

 Embora na condição de escravo e de homem submisso às autoridades, Neemias, oficial no palácio do rei persa Artaxerxes;  era livre para ser ele próprio, sem máscaras. Por isso, ele podia exercer livremente o dom divino da liberdade de pensar, de sonhar. E pensar com a sua própria cabeça. Assim,  Neemias se resignava com a sua condição de escravo, porém sonhava com o bem-estar do remanescente do seu povo em Jerusalém. Sonhava com a liberdade do seu povo.

Os bons líderes estão sempre abertos para aprender com todos e em todas as situações, porém pensam por si próprios e são capazes de defender suas opiniões. São firmes, porém flexíveis quando necessário. Valorizam a opinião das outras pessoas e se enriquecem com elas, porém sabem Continuar lendo

A DICA DE DIAMANTE PARA O SEU CASAMENTO

Mariano B. Marques

’…pois é Deus quem efetua em vocês tanto o querer quanto o realizar, de acordo com a boa vontade dele”. Filipenses 2:13

Eu sou a videira; vocês são os ramos… sem mim vocês não podem fazer coisa alguma”. João 15.5

Li dezenas e dezenas de livros de auto-ajuda na adolescência e na juventude na busca incansável de resolver meus conflitos interiores e obter sucesso. Um desses problemas era o meu complexo de inferioridade que  alimentava minha excessiva timidez e baixa auto-estima.

Lembro muito bem da angústia Continuar lendo