CULPA, FRACASSO, SUCESSO

 

Mariano B. Marques

Todo e qualquer sucesso que não glorifica a Deus é, na verdade, fracasso. E todo aparente fracasso que glorifica a Deus é, na verdade, sucesso.

Quando uma pessoa cristã faz alguma coisa que mancha sua reputação moral, geralmente atribui a culpa ao demônio. Será que é ele mesmo o culpado?

Na vida cristã diária, o diabo pode nos tentar e sugerir coisas em nossa mente. Mas, somos nós que decidimos fazer ou não. Ele não decide por nós. Por isso, você e eu somos  responsáveis  pelas nossas decisões e ações praticadas. Não adianta culpar ninguém, nem mesmo o diabo.

Sabemos que a capacidade de avaliar e decidir nos foi dada por Deus. Porém, esse dom divino traz consigo a responsabilidade pessoal pelo uso que  fazemos dessa liberdade de escolher e decidir.  Podemos decidir para o mal ou para o bem, o certo ou o errado, o vil ou o nobre, o sagrado ou o profano, o céu ou o inferno.  Mas a responsabilidade sempre será nossa.

Se o erro foi nosso, devemos ser humildes e corajosos o suficiente para reconhecer isso e assumir a responsabilidade.  Isso é grandeza interior, coisa que muita gente não possui.

Culpar pessoas ou  circunstâncias pelos nossos deslizes ou insucessos quando elas na verdade nada tiveram a ver com isso é a maneira negativa de lidarmos com nossos erros. Ao fazer isso, também nos recusamos a aprender as preciosas lições positivas que eles podem nos proporcionar.

Geralmente, nossos erros são excelentes professores. Nossos fracassos, também. Isto é, se somos humildes para aprender com eles. Se somos arrogantes, nada aprendemos com nossos erros e fracassos. E também nada aprendemos com o sucesso.

O fracasso é um professor muito mais eficaz e mais sábio do que o sucesso. É possível  sairmos muito mais enriquecidos de uma experiência de insucesso do que de uma de pleno êxito. Porque o êxito nos convida à celebração e  elevação do ego,  mas o fracasso nos convida à humildade e  à reflexão de aprendizagem.  Onde errei? Por quê? O que eu deveria ter feito e não fiz? Como proceder da próxima vez?

Se tivermos a atitude interior positiva em relação ao fracasso, ele se torna uma forma diferente de sucesso pelo muito que nos ensina e aprendemos. Nesse caso, podemos dizer que o fracasso de hoje é o pai do sucesso de amanhã.

Por outro lado, se permitimos que o sucesso eleve o nosso ego e nos tornamos arrogantes, podemos dizer que o sucesso de hoje é o pai do fracasso de amanhã.

 

 

Anúncios

14 respostas em “CULPA, FRACASSO, SUCESSO

  1. Ler os seus textos nos enriquece muito, continue produzindo. Como leito eu aguardo ansioso as suas publicações.
    Um grande abraço e que Deus continue no comando de sua vida, sempre!

    Curtir

  2. Paz do Senhor, PR Mariano!
    Muito bom esse assunto. Que Deus continue iluminando o irmão a continuar ajudando pessoas e crentes a honrar nosso Deus com Deus procedimentos.
    Deus o abençoe.

    Curtir

  3. Estimado amigo Pr Mariano, que DEUS abençoe sua vida de forma poderosa! Gostei muito do texto, pois lidamos diariamente com o sucesso e o fracasso quase que diariamente. O sucesso alegra a nosso coração e eleva nosso ego. O fracasso nos fortalece! Gostei muito deste trecho ‘O fracasso é um professor muito mais eficaz e mais sábio do que o sucesso. É possível sairmos muito mais enriquecidos de uma experiência de insucesso do que de uma de pleno êxito. Porque o êxito nos convida à celebração e elevação do ego, mas o fracasso nos convida à humildade e à reflexão de aprendizagem. Onde errei? Por quê? O que eu deveria ter feito e não fiz? Como proceder da próxima vez?” Parabéns grande mestre! Um forte abraço.

    Curtir

DEIXE UM COMENTÁRIO SOBRE O POST QUE VOCÊ VISITOU

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s